Etiqueta:

gold standard

A REN – Redes Energéticas Nacionais (REN) foi distinguida com o galardão “Gold Standard” pela Oil and Gas Methane Partnership (OGMP 2.0) no seu relatório anual de 2021, pelo compromisso e ação da empresa na redução das emissões de metano, um gás de efeito estufa muito poderoso e cujas emissões são a segunda maior causa do aquecimento global.

O galardão “Gold Standard”, atribuído este ano à REN (Gasodutos, Atlântico-Terminal de GNL e Armazenagem), premeia as empresas que apresentem um programa de implementação robusto para a quantificação e redução de emissões de metano, de forma a terem um nível 4/5 (numa escala de 5) em 2024, nos ativos por si operados.

A OGMP 2.0, encabeçada pela UNEP (Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente), em parceria com a Comissão Europeia, Governo do Reino Unido, Fundo de Defesa Ambiental e as principais empresas de Oil and Gas, tem como objetivo a redução das emissões de metano e apoia a implementação de um sistema de monitorização, relatório e verificação bem estruturado e adequado, para detetar e quantificar com maior precisão as emissões por parte dos operadores do setor. Os relatórios anuais desta iniciativa afiguram-se como o mais alto padrão de relatórios de metano, ao exigir que as empresas reportem as suas emissões de todas as fontes de ativos ao longo de toda a cadeia de valor.

Ao participar nesta iniciativa desde a sua fundação, a REN vê premiado o seu desempenho relativamente à integração das fontes de energia renováveis, demonstrando o seu compromisso com os objetivos de atingir a neutralidade carbónica até 2040, de manter um desenvolvimento sustentável e combater as alterações climáticas, ao mesmo tempo que reforça a solidez financeira e o desempenho operacional de excelência da empresa.

subscrever newsletter

25 visualizações