Etiqueta:

exposiçao

O Tempo sem Tempo/Out of Time é o título da exposição de Carolina Piteira, que vai estar em exibição na Central Tejo, em Lisboa, entre 12 e 31 de janeiro de 2022. A exposição, composta por 22 peças, tem como tema a Energia do Vento, a Energia do sol e a Energia da Água e como estas energias e o tempo se cruzam.

As obras criadas pela artista respondem a um desafio feito pela EDP de materializar em peças de arte o desafio das alterações climáticas e a importância da resposta da Sociedade à urgência climática. O Tempo sem Tempo – uma exposição Changing Tomorrow Now pela EDP faz parte do recente posicionamento anunciado pela empresa, que dá corpo à estratégia de ser uma energética 100% verde já no final desta década, produzindo energia exclusivamente a partir de fontes renováveis – o vento, a água e o sol.

Estes são os elementos que guiam a mais recente criação de Carolina Piteira que, nas suas obras recorreu a várias técnicas e materiais reaproveitados. Entre eles, um kite de Francisco Lufinha, o navegador português que acaba de completar uma viagem de Portugal até às Caraíbas, sozinho, num barco movido apenas por energias renováveis, concluindo com sucesso a EDP Atlantic Mission.

A preocupação com as alterações climáticas esteve sempre presente na vida de Carolina Piteira, mas, a viver a experiência da gravidez da sua filha Maria Teresa enquanto trabalhava nestas obras, essa preocupação ganhou maiores proporções.  “Estamos sem tempo para agir, por nós, pelas nossas crianças e pelas próximas gerações. Por isso, espero com esta exposição sensibilizar as pessoas para o tema da urgência climática e, se possível, contribuir para uma mudança de comportamentos positiva”, salienta a artista. 

Em maio de 2021, Carolina Piteira foi a narradora do novo posicionamento de marca da EDP, Changing Tomorrow Now – a mudar, já hoje, o amanhã -, que materializou a estratégia ambiciosa da empresa.

Desde que concluiu os seus estudos, Carolina Piteira ganhou vários prémios, incluindo o prémio do Signature Art Award, que distingue artistas emergentes. Expôs em Londres, Paris, Roma, Atenas, Madrid e Lisboa, com várias exposições coletivas e individuais, entre as quais uma mostra no âmbito da Bienal de Veneza 2019.

Em 2020, no início da pandemia, Carolina Piteira organizou um leilão de arte solidário para apoiar o Serviço Nacional de Saúde com material hospitalar. A artista angariou oito mil euros para os hospitais nacionais.

Mais conteúdos sobre a artista e a exposição em https://www.edp.com/pt-pt/changing-tomorrow-now/exhibition

subscrever newsletter

47 visualizações