Etiqueta:

unicef

line no background newsA Sociedade Ponto Verde une-se ao movimento global de ajuda ao povo da Ucrânia e vai apoiar financeiramente o programa humanitário da UNICEF naquele país, ao transformar em donativo as quantidades de embalagens recicladas e recolhidas dos ecopontos portugueses durante todo o mês de abril.

Porque todos os gestos contam, a ação solidária “Reciclar Ajuda – 1.000 toneladas de embalagens recicladas = 1.000€ de donativo” pretende ajudar a UNICEF a responder às necessidades básicas e crescentes das crianças e famílias ucranianas que se encontram em situação de vulnerabilidade. As equipas da UNICEF estão distribuídas por várias regiões da Ucrânia a prestar assistência humanitária dia e noite e o donativo da SPV servirá para apoiar a UNICEF a continuar a disponibilizar medicamentos e equipamento médico, vestuário de Inverno para crianças, e artigos de higiene, educação, desenvolvimento infantil e kits recreativos, procurando garantir a segurança, os direitos e o bem-estar de todas as crianças.

Para Ana Trigo Morais, CEO/Administradora delegada da Sociedade Ponto Verde, “O momento é de união e solidariedade para com o povo ucraniano. Sejam movimentos individuais ou organizados, empresas e demais organizações, ninguém está indiferente a esta crise humanitária provocada pelo conflito armado na Ucrânia e é realmente notável a capacidade de mobilização dos portugueses.”

“Foi através da premissa de junção de causas que criámos o Reciclar Ajuda, cientes que só em conjunto é possível ter um mundo melhor. Isto significa que juntámos à causa humanitária a causa ambiental que a Sociedade Ponto Verde abraça desde sempre: a reciclagem. Por isso, vamos converter as quantidades de embalagens recicladas em abril num donativo monetário para a UNICEF, ajudando as crianças da Ucrânia,” conclui a CEO/Administradora delegada da Sociedade Ponto Verde.

Para Beatriz Imperatori, Diretora-Executiva da UNICEF Portugal “esta iniciativa da SPV é um exemplo de como juntos podemos fazer mais. A situação urgente que se vive na Ucrânia não tem precedentes e exige ação continua e imediata. Com o número de crianças deslocadas a aumentar diariamente as necessidades no terreno são cada vez maiores e não podemos esquecer que cada uma destas crianças precisa de proteção, educação, segurança. As equipas da UNICEF trabalham diariamente com os governos nacionais, com as autoridades locais e regionais e a sociedade civil para garantir o acesso à segurança das mais de 4,3 milhões de crianças deslocadas pela guerra, relembrando que 2,5 milhões estão refugiadas da guerra noutros países.”

subscrever newsletter

78 visualizações