Leadership Summit Portugal – Um Novo Rumo Para o Planeta

Pela primeira vez em Portugal o autor do documentário ‘Seaspiracy’, Ali Tabrizi, assim como Global Shapers do Fórum Económico Mundial para falarem de um novo rumo para o planeta.

por Ricardo Lopes
15 visualizações

Como surgiu a ideia para a Leadership Summit Portugal? 

A Leadership Summit Portugal é um evento que está integrado num projeto mais vasto que tem como objetivo a produção de conhecimento para líderes e que envolve a revista trimestral Líder, o site lidermagazine.sapo.pt e a Líder TV que está disponível em www.lidertv.pt e no MEO-165 e NOS-560. A ideia deste projeto resultou do nosso contacto com lideranças a vários níveis, tendo sido desafiados por algumas entidades que são nossas parceiras para desenvolvermos plataformas de comunicação que permitissem acesso a informação relevante para líderes e que potenciassem a troca de experiências. 

Têm uma ambição interessante na apresentação: “De Davos para Portugal”. No que isto se traduz no evento? 

A Leadership Summit Portugal é um evento desenvolvido pela Tema Central e pelos Lisbon Hub dos Global Shapers do Fórum Económico Mundial. Esta ligação tem permitido trazer todos os anos a Portugal o vencedor de um pitch que lançamos junto dos cerca de sete mil Shapers que existem no mundo. Estes Shapers apresentam uma talk na Leadership Summit e são sempre de enorme qualidade. Em Davos estamos habituados a ver grandes nomes mundiais que se destacaram em várias áreas de atividade, na Leadership Summit concretizamos a presença em palco de outros grandes nomes da atualidade com futuros líderes que certamente se irão destacar.

A edição de 2021 já é a 5ª edição do evento. O que consideram ser a principal mais-valia do evento para os participantes, que leva a continuidade no tempo? 

A mais-valia da Leadership Summit Portugal é trazermos a Portugal grandes oradores internacionais que são referências em áreas do conhecimento que, muitas vezes, os líderes de organizações não estão habituados a ouvir. Também incentivamos a partilha de conhecimento com oradores nacionais de destaque e promovemos de forma muito consistente a presença em palco de diferentes gerações.

É importante fazermos com que as lideranças saiam da sua bolha, contactem outras realidades com as quais, certamente, terão muito a aprender.

“Um novo rumo para o planeta…” é um dos destaques do programa deste ano. Qual consideram a importância deste tema ser debatido por líderes e para líderes? 

A sustentabilidade do Planeta é, indiscutivelmente, o grande tema da atualidade e dos próximos anos. Quem é líder ou quer vir a ser líder, mas também quem é liderado, não pode passar ao lado do grande desafio dos próximos anos que vai condicionar a vida das pessoas e organizações e que obrigará os líderes a reverem o rumo das organizações que dirigem.

Quais são os principais destaques que fazem do evento ao nível de sustentabilidade? 

Teremos em palco, pela primeira vez em Portugal, Ali Tabrizi, autor do documentário ‘Seaspiracy’ que está no Top Ten dos programas mais vistos da Netflix e que é um soco no estômago sobre a forma como estamos a tratar os oceanos.

Haverá uma apresentação sobre o tema da sustentabilidade feita por Anabela Vaz Ribeiro que é Executive Director da Global Compact Network Portugal das Nações Unidas, entidade que é parceira do evento, e por fim teremos um painel de debate sobre “a urgência de ser sustentável” com a participação de Jennifer Motles Svigilsky, Chief Sustainability Officer da Phillip Morris International, James Robey, Global Head of Environmental Sustainability na Capgemini e Mariana Pereira da Silva, Head of Sustainability na Sonae MC.

Para além disso iremos abordar mais dois grandes temas que são a diversidade/ inclusão e a democracia, aos quais o tema da sustentabilidade também não pode passar indiferente.

Não antecipando a 6ª edição, quando ainda não decorreu esta, mas acreditam que este será um tema ainda em agenda para as próximas edições? Porquê?

Como referi anteriormente, as questões relacionadas com a sustentabilidade do Planeta estarão na ordem do dia por muito anos, portanto, é evidente que a ecologia, a defesa das espécies, a descarbonização, as energias alternativas, a economia circular e tantos outros continuarão certamente a marcar presença no palco da Leadership Summit Portugal. Seria bom sinal não precisarmos de abordar estes temas com tanta regularidade mas, infelizmente, atendendo à realidade atual, alertar consciências para a urgência da sustentabilidade é um trabalho fundamental para a nossa sobrevivência futura.

Filipe Vaz

Filipe Vaz 

Diretor Geral da Tema Central

 

subscrever newsletter

Artigos Relacionados